Menu

tera, 16 de outubro de 2018

Sessão Abobrinha: Rubens Pontes

Na roça, diálogo “meio” picante entre marido e mulher.


O homem chega em casa, à noitinha, depois de duríssimo dia de trabalho na lavoura.



A mulher o espera à porta do barraco (na cozinha, 
panela de canjiquinha no fogão à lenha).

– Oi marido, ocê vai ser servido hoje?
– Não, muié, hoje não. Tô muito cansado. Vô jantá e drumí.
– Então, marido, vou lavar só os pés…

Nota do redator de plantão

Por mais que tenhamos tentado uma imagem de muié da roça lavando os pés numa gamela, não conseguimos. Por cansaço, optamos por essa imagem aí, uma mera ilustração.

Até porque, diante de tal diálogo, a conversa nada tem mesmo com os pés.

Comentários