Menu

sbado, 18 de novembro de 2017

Casa da Cultura de Campinho exibe Exposição Internacional de Arte Postal





A Casa da Cultura de Campinho, Domingos Martins/ES, está exibindo a “Exposição Internacional de Arte Postal”, com peças de mais de 70 artistas de 19 países. 

Entre as obras apresentadas ao público estão colagens, fotografias, pinturas, desenhos e trabalhos de viés conceitual, organizadas pelas curadoras Tamara Chagas e Gislane Casotti. Os trabalhos ficam expostos até o dia 27 de novembro e a entrada é franca.

A arte postal (ou mail art) é um tipo de manifestação artística contemporânea que utiliza o correio como meio de envio de obras que são, em geral, bidimensionais, do tamanho de cartões postais. 

Há artistas de várias partes do Brasil: além de participantes do Espírito Santo, há peças enviadas por correspondentes de Santa Catarina, Minas Gerais, Ceará, Rio Grande do Sul e São Paulo.

As participações internacionais vieram da Argentina, Bélgica, Croácia, França, Alemanha, Grécia, Holanda, Itália, Noruega, Romênia, Suíça, Espanha, Reino Unido, Uruguai e Estados Unidos. 

– “Um dos nossos objetivos é proporcionar aos espectadores da mostra um momento de enriquecimento estético e de reconhecimento da diversidade linguística”, diz Tamara Chagas.

Sobre a arte postal

A arte postal (ou mail art) é um tipo de manifestação artística contemporânea que teve grande expressão durante os anos 1970 e 1980, e sobrevive ainda hoje. 

O modo de exposição é democrático: todos os que enviam trabalhos participam da mostra, de maneira que não há seleção, nem premiação. As obras também não são devolvidas. Os temas das exposições são diversos e podem variar de acordo com a criatividade e o objetivo do proponente.

Alguns dos expoentes da arte postal são o uruguaio Clemente Padín – que participa desta exposição – e o brasileiro Paulo Bruscky. Na América Latina, particularmente, muitos artistas viram na arte postal um meio de veicular trabalhos com conteúdo crítico a conjuntura sócio-política da época, burlando, assim, a censura que havia nesses países, imersos em ditaduras.

Serviço:
Exposição Internacional de Arte Postal
Curadora: Tamara Chagas
Curadora adjunta: Gislane Casotti
Local: Casa da Cultura de Domingos Martins/ES, centro
Data: até 27 de novembro
Visitação: terça-feira a domingo, das 8 às 17 horas
Entrada Franca

Enviado por Lorena Müller e Monique Ferbek

Comentários