Menu

tera, 21 de novembro de 2017

Obras de Levino Fanzeres serão leiloadas em abril

Levino Fanzeres – Paisagem do Estado do Espírito Santo



Sete telas, álbum de família e outros pertences do artista capixaba serão leiloados


Considerado um dos grandes talentos das artes plásticas no Espírito Santo, o pintor Levino Fanzeres será homenageado no Leilão do Empório das Artes, de 7 a 12 de abril, no Cerimonial Lago de Garda, em Jardim Camburi, Vitória/ES.

Na primeira edição de 2016, o Empório das Artes apresenta um acervo de 200 peças, entre elas sete telas, um álbum de família, um porta-retrato de época em vidro bombê e um negativo original em vidro, acompanhado de reprodução, do artista cachoeirense.

Levino Fanzeres viveu em Paris no início do século XX, onde conheceu Picasso. Ao retornar ao País, em 1919, fundou a Colmeia dos Artistas do Brasil, instituição para ensino livre de arte, onde Garcia Bento, Sérgio Telles, Ivan Serpa, Ivan Freitas, Ismael Nery, dentre outros artistas iniciaram sua carreira.

Além da série especial de Levino Fanzeres, também destacam-se as obras de Homero Massena, que era natural de Barbacena (MG), mas veio para o Espírito Santo com seis meses de vida e adotou Vila Velha como sua cidade de coração.

O artista tem tela exposta no Palácio da Alvorada, em Brasília, no Palácio Anchieta, em Embaixadas brasileiras, no Palácio do Governo Francês e em coleções particulares e museus,.

Ele pintou quadros que retratam o Convento da Penha e suas paisagens, a exemplo da “Subida da Fé”, presente no leilão (foto). Também fazem parte do acervo as telas “Curva do rio” e “Natureza Morta”.

O marchand Lélio Cimini, que está à frente do Empório das Artes, ressalta que o leilão terá ainda obras importantes de Manoel Santiago, Heitor dos Prazeres, Di Cavalcanti (quadro à esquerda), Romanelli, José Garcia Espinosa, Gregory Fink, Vicente Ayres e outros.

Entre as esculturas, destaque para a exuberante dançarina em bronze e marfim sobre base de mármore negro e veste trabalhada em relevo (foto), d’après Chiparus.

Há ainda outras raridades, como o pendant de fotografias originais da Princesa Izabel e do Conde D’Eu, datadas de 1922 e assinadas pelo fotógrafo A. Santos, móveis do século XIX/XX, aparelhos de jantar em porcelanas oriental e europeia, faqueiro de prata, tapeçaria e outros artigos.

A exposição de todas as obras poderá ser vista de 7 a 11 de abril. No dia 12, será realizado o pregão, sob o comando do leiloeiro Mauro Cesar Rocha. A entrada é gratuita.

SERVIÇO
Leilão de Abril do Empório das Artes
Exposição: 7 a 11 de abril
Horário de visitação: Dias 7, 8 e 11, das 9 às 18h; dia 9, das 9hàs 17h; dia 10, das 14 às 21h.

Pregão: 12 de abril, às 20h30m, comandado pelo leiloeiro Mauro César Rocha
Endereço: Rua Carlos Martins, 781, Jardim Camburi, Vitória (estacionamento gratuito no local com segurança)
Contato: 3235-7043 / 99902-6199

Enviado por Ingrid Pagani e Rose Frizzera) – 3207-3351 / 99989-2739

Comentários