Menu

segunda, 28 de setembro de 2020

Aqui Rubens Pontes: Um diálogo muito atual…com 400 anos, entre os personagens Colbert e Mazarino, durante o reinado de Luis XIV, século XVIII


Os tempos são outros, mas a economia no regime capitalista continua sendo
medieval.

O diálogo 
da peça foi 
escrito há 400 anos…


por Rubens Pontes



…mas os personagens seriam absolutamente atuais se, por exemplo, fossem membros do alto estamento
do governo atual do Brasil na área econômica…

Jean Baptiste Colbert (*) foi ministro de Estado e da Economia da França no reinado de Luiz XIV.

Foi o criador da teoria mercantilista e das práticas de intervenção estatal na economia. A contra partida, que entre nós não ocorreu, foi sua luta, como ministro de Estado, contra a corrupção desenfreada durante o reinado de Luiz XVI.

O outro personagem do diálogo é o Cardeal Mazarin (**), sucessor do discutido Cardeal Richelieu. Foi primeiro ministro da França em 1642 e no reinado teve que enfrentar vários movimentos de rebelião popular contra sua política de elevação de impostos.

Os tempos são outros, mas a economia no regime capitalista continua sendo…medieval.

Um diálogo 
de 400 anos

Diálogo de quase 400 anos, da peça teatral “Le Diable Rouge”, de Antoine Rault, entre os personagens Colbert e Mazarino, durante o reinado de Luis XIV, século XVIII. apesar do tempo decorrido, é bem atual:

Colbert: – Para arranjar dinheiro, há um momento em que enganar o contribuinte já não é possível. Eu gostaria, Senhor Superintendente, que me explicasse como é possível continuar a gastar, quando já se está endividado até o pescoço…

Mazarino: – Um simples mortal, claro, quando está coberto de dívidas
e não consegue honrá-las vai parar na prisão. Mas o Estado é diferente! Não se pode mandar o Estado para a prisão. Então, ele continua a endividar-se…Todos os Estados o fazem!

Colbert: – Ah, sim? Mas como faremos isso, se já criamos todos os impostos imagináveis?

Mazarino: – Criando outros impostos!

Colbert: – Mas já não podemos lançar mais impostos sobre os pobres…

Mazarino: – Sim, é impossível.

Colbert: – E sobre os ricos?

Mazarino: – E os ricos também não. Eles parariam de gastar. E um rico que gasta faz viver centenas de pobres.

Colbert: – Então, como faremos?

Mazarino: – Colbert! Tu pensas como um queijo, como um penico de um doente! Há uma quantidade enorme de gente entre os ricos e os pobres: os que trabalham sonhando em vir a enriquecer e temendo ficarem pobres. É a esses que devemos lançar mais impostos, cada vez mais, sempre mais! Esses, quanto mais lhes tirarmos mais eles trabalharão para compensarem o que lhes tiramos. É um reservatório inesgotável.”

(*) Jean-Baptiste Colbert
Jean-Baptiste Colbert foi um político francês que ficou conhecido como ministro de Estado e da economia do rei Luís XIV. (29 de agosto de 1619, Reims, França – 6 de setembro de 1683, Paris, França)
(**) Jules Mazarin
Jules Mazarin, nascido Giulio Raimondo Mazzarino, Mazarino, Mazarini, ou Mazzarini, e conhecido como Cardeal Mazarino, foi um estadista italiano radicado na França, que serviu como primeiro-ministro da França de 1642 até à data da sua morte. 
(14 de julho de 1602, Pescina, Itália – 9 de março de 1661, França).

Comentários