Menu

quinta, 23 de novembro de 2017

Alvaro Nazareth: Movimento / A bandidagem tomou conta do Espírito Santo

Nesta terça-feira, dia 7, Leonel Ximenes deu na coluna Victor Hugo de A Gazeta que a situação da segurança anda tensa em Rio Fundo, na Região Serrana de Marechal Floriano.

É verdade.

Mas, não é só lá não, Leonel. É em toda a região que abrange Marechal, Aparecidinha, Todos os Santos, Santa Luzia, Santa Rita, Quinto Território, Sagrada Família e, surpreendentemente, até Alfredo Chaves, onde tem um destacamento da PM.

A coisa está de vaca não conhecer bezerro. As pessoas ligam para o 190, o (a) atendente atende – como não poderia deixar de ser – diz que anota, que providências serão tomadas e não acontece nada. Sequer uma viatura aparece para dar o ar da graça.

No momento, diante do total desamparo, os cidadãos se articulam para se defenderem, às suas famílias e às suas propriedades, descrentes do que possa vir de socorro por parte das autoridades ditas constituídas.

Ainda nesta mesma terça, 7, uma ocorrência de tentativa de assalto em Marechal Floriano, resultou na morte de um bandido. Eram bandidos originários de Cariacica e a operação resultou negativa para eles. Ainda bem.

É alguma coisa, mas, muito pouco, face ao que a população vem sofrendo de terror nos últimos tempos.

Será que os cidadãos terão que arcar com a própria segurança, como nos velhos tempos? Naqueles tempos, tinham Leis e armas para se defenderem. E agora?

Com a palavra, o aparato de segurança do Estado.

 

Economista, Jornalista e Publicitário. Trabalhou no jornal O Diário, Rádio Espírito Santo, Revista Agora, Jornal da Cidade, A Gazeta e A Tribuna. Fundou a Uniarte Agência de Propaganda e dirigiu comercialmente a Eldorado Publicidade, a Rede Tribuna e o jornal eletrônico Século Diário. Foi Secretário de Comunicação da Prefeitura de Vila Velha e do Governo do Estado do Espírito Santo.

 

Comentários