Menu

domingo, 19 de agosto de 2018

Tião Martins: Papai Noel não é candidato

Tião Martins, de Belo Horizonte/MG

Senhoras e senhores,

Agora que alguns indivíduos e indivíduas
botaram seus nomes na rua, com ânsias
de poder, cabe aos silenciosos, como nós,
a tarefa de escolher os menos indignos.

Fácil não é, posto que a multidão dos
candidatos quase se equipara à alegria
dos bandidos. E, como dizia o falecido
Seu Nô, ao sepultar os mortos lá em
Teófilo Otoni, “o diabo que cuide disso.
É a vez dele”.

Alguns vão votar no filho do Jango (foto).
Outros escolhem a mãe de alguém.
E já se sabe que alguns candidatos
vão renunciar antes mesmo que os
eleitores acordem.

O Brasil, amigas e amigos, é um fenômeno

quase tão natural quanto quinhentos Trumps…

Escolha o seu e fuja para o Egito.

Quanto a mim, voto na Gumercinda
Tomba-Homem, a mais barateira da
minha terra. Essa nem pedia votos.
Apenas vendia…

Tião Martins

é jornalista, publicitário,

cronista,

 

 

Comentários