Menu

quarta, 14 de novembro de 2018

Clássicos Chevrolet na Vessa – Rodrigo Stehling conversa com Covas sobre Interlagos – Ruy Perini lança livro – Folgazões e reino em crise – Galvêas

Encontro de clássicos reúne carros antigos da Chevrolet

 

 

Encontro de Clássicos Vessa – os carros antigos da Chrevrolet que a concessionária Vessa promove neste sábado, 20, de 8 às 16 horas.

Os modelos antigos serão expostos no showroom da Vessa. Os visitantes poderão conferir modelos que marcaram época como C10, Opala SS, Caravan, Camaro, Chevette, Veraneio, Omega e Monza, entre outros.

– “Queremos prestigiar os clientes que preservam os carros como se fossem novos. Existem muitas emoções envolvidas em ter um clássico Chevrolet e por isso decidimos trocar os carros novos pelos clássicos por um dia. Esse encontro também é uma chance de observar as mudanças de design da indústria automotiva. Oor exemplo, imagine um Opala de frente para uma versão atual como o Cruze? Muita coisa mudou e o visitante poderá conferir essa mudança de perto”, diz o diretor da Vessa, Juninho Teixeira.

A Vessa também apresentará condições especiais para os que quiserem adquirir um veículo Zero Km.

SERVIÇO: ENCONTRO DE CLÁSSICOS VESSA
Dia: 20 de outubro (sábado)
Horário: 8 às 16h
Local: Vessa de Vila Velha. Av. Carlos Lindemberg, 4743, Vila Velha/ES
[email protected]

Empresário Rodrigo Stehling discute Interlagos

em São Paulo com prefeito Bruno Covas 

Secretário de Governo da PM de São-Paulo, Júlio Semeghini, Rodrigo, Stehling, Prefeito Bruno-Covas, Paulão Gomes, Tetracampeão da Stock Car.

 

Rodrigo Stehling, empresário, ex-piloto de Fórmula Ford e Presidente da ACELERA BR, esteve em São Paulo discutindo o futuro do Autódromo de Interlagos com o prefeito Bruno Covas, o secretário de Governo Júlio Semeghini, e Paulão Gomes, tetracampeão da Stock Car.

Rodrigo presenteou o Prefeito Covas com o livro de sua autoria “Acelera BR”, uma compilação de ideias para o futuro do automobilismo no Brasil com vieses no entretenimento e turismo, educação no trânsito e integração com as universidades, e criação de novos Complexos Automobilísticos.

O programa de desenvolvimento do automobilismo ACELERA BR conta com a participação e apoio de Reginaldo Leme, comentarista da Rede Globo e um dos mais respeitados jornalistas dessa área no mundo, e Leonardo Fontenele, um dos projetistas do Ferrari Theme Park em Abu Dhabi, com o Autódromo de Yas Marina (Com Renata Salgueiro).

Bpes lança livro de Ruy Perini

A diretora da Biblioteca Pública do Espírito Santo (BPES), Ana Maria da Silva, e as Editoras Pedregulho e Arte da cura convidando para o lançamento da segunda edição do livro “Não há remédio certo: Loucura e paixão na obra de Machado de Assis”, de Ruy Perini.

O livro traz pequenas alterações no texto e uma apresentação estilizada, com as gravuras de Cândido Portinari para “O Alienista”.
Serviço – Dia 18 de outubro (quinta-feira), 19 horas. Biblioteca Pública do Espírito Santo . Av. João Batista Parra, 165 – Praia do Suá – Vitória – ES – (27) 3137- 9349.

A capital do teatro

A Folgazões Companhia de Artes Cênicas volta ao palco do Teatro Carlos Gomes neste sábado (20), às 21 horas, para apresentar a peça ‘A Lenda do Reino Partido’, uma tragicomédia.

È a história de uma trupe que vive em um reino em crise política e financeira, e tenta sobreviver em meio às adversidades.
Encenado por Foca Magalhães, que interpreta Felisberto, Lorena Lima, que vive Guiomar, e Duílio Kuster, que dá vida a Dionéio.

– “Por meio do olhar sobre um local imaginário, o grupo lança luz sobre a atual crise moral e política do Brasil e busca demonstrar como a arte pode enfrentar essas atrocidades”, ressalta o ator e escritor da peça, Duílio Kuster.

A apresentação faz parte da programação da 14ª edição do Festival Nacional de Teatro de Vitória – Fenatevi (Com Taynara Pirovani).

O artista e a ética

O pensamento do pintor Kleber Galvêas sobre a postura de um artista.

– “O artista ético não é oportunista, não pode tomar partido em uma eleição. Sua postura deve ser sempre, a vida toda, todos os dias, várias vezes por dia, criando obras físicas ou abstratas, do tempo ou do espaço, belas ou feias, para ajudar a formar opinião daqueles que observam o seu trabalho. Agindo o ano todo dispensa voz de comando na última hora.

Manter uma postura suprapartidária é essencial para que o produto da sua criação tenha valor próprio, estético, filosófico e original, e nunca seja percebido pela ótica sectária do ranço ou da filiação partidária.

Assim, o artista terá voz, com autoridade própria, para colaborar e criticar o governo eleito”. (Kleber Galvêas, pintor).

(27) 3244 7115 – [email protected] – www.galveas.com
O ateliê funciona sábados, domingos e feriados.

Oswaldo Oleari ou Oleare

jornalista, radialista, publicitário

Editor Chefão

 

Comentários