Menu

segunda, 16 de dezembro de 2019

Elian Ramile – Estava aqui pensando…

Pitaco do Oleari: editei o texto de Elian e deixei pronto pra publicar dia seguinte. Achei que tivesse feito. Panguei. Passou. Conferindo agora, corrijo e me penitencio pela faia. Não existe Editor Chefão perfeito.

Copigarfado do feissibucki –

Elian Ramile – Consultoria De Imagem.

Estava aqui pensando em quando me apaixonei por eles…
Final dos anos 80…ele usava um parêo estampado…wow, que ousadia! Ok, trabalhávamos no paraíso e era nosso uniforme, mas aquele tecido enrolado em seu corpo não apenas cobria a pele, mas se encaixava no sorriso…e tudo parecia perfeito e muito sedutor…

De quando eu passeava na piscina dos hóspedes e estava lá aquela cabeleira de cachos displicentes que quase escondiam seu rosto… havia uma tentativa de mostrar timidez , mas quando você me olhava de lado eu sabia que tinha muito para descobrir por trás daquele short florido e camiseta branca que ornavam lindamente…

O ônibus fretado chegava à ilha. Debruçado na janela pude ver aquele olhar coberto por um ray-ban aviador. O rosto anguloso que depois encontrei em quase dois metros de altura criaram a imagem do meu super herói favorito. Fiquei impactada com aquela mensagem de “fique tranquila, menina, que estou aqui para cuidar de você”… nem cuidou, mas bem que acreditei por muito tempo…

O espaço era urbano, super tendência… e ele tomou conta de todo o andar naquela calça boca de sino! E ainda me pediu para vender um sapato plataforma! Provavelmente não disfarcei meu deslumbramento! Uma mistura de tudo o que eu era naquela época! Irradiava segurança no sorriso de moço fashionista de bem com a vida! Em uma multidão, só ele conseguiu ser assim tão único…

Chegou total jeans! Ficou me olhando de longe e eu admirando aquela sua coragem de usar uma proposta abusada para aquele tempo… tinha que ser um homem especial! E cheio de atitude! Acabei descobrindo que não se podia cobrar fidelidade daquele homem, mas ele era especial sim! E me encantou…naquela época eu queria inspirações e ele era uma!

E de repente, cansada demais para pensar, mil horas de vôo percebo aquela camisa branca impecável, aquela calça slim, aquele sapato que nem era careta, nem era moderno… fiquei em suspensão com aquele acabamento, com aquele cuidado… tinha que viver um homem refinado dentro daquela camisa… e sim, era muito elegante mesmo! Descobri isso quando acordei da ressaca e o jeans com camiseta também estavam incrivelmente bem portados.

Olha, o tempo passou… quando achava que nem me apaixonaria mais, veio aquela calça jeans destroyed com um tricô preto e branco, cabelos propositalmente desarrumado e me tirou o ar. E ele era meu e eu tinha tanta certeza que não demorou muito para que o pedisse em casamento. A calça se foi, o tricô também, mas outras calças e camisas continuam me encantando… agora escolhidas por mim…

E hoje fiquei pensando nisso… para quem leu até aqui espero que tenha percebido que não é um texto sobre futilidade ou “valorizar a embalagem”. É sobre como as imagens nos impactam… como detalhes criam conexões tão potentes em nossos sentimentos…procuramos no outro muito daquilo que precisamos para nos confortar.

E quando você achar que falamos apenas de roupas e acessórios vou te contar que aquele pé bem tratado ou um bom perfume também me fez apaixonar algumas vezes. Que um sorriso bem cuidado pode quebrar pernas… se é que me entende. E você? Consegue lembrar-se da imagem por quem você se apaixonou?

4 comentários1
Carla Falce, Martha Pimenta e outras 11 pessoas

Solange Saboya – Amei o seu relato/texto! Bjsss.

Elian Ramile (foto) – Consultoria De Imagem. Ousadias de quem vai fazer 50 anos em breve! Obrigada, querida!Bjs!

Cindy Cindy – Que texto interessante, que nos prende, traz a curiosidade com muita ousadia, amei.

Lena Mara Leite Gomes – Cara, te respeito muuuuuuito como estilista e Consiltora de Imagem. Mas se eu fosse vc, jogava essa porra toda pro alto e me tornava escritora. Seu texto é de tirar o fôlego . Eu já tava lá na frente pensando num desfecho erótico kkkkkkk

Carla Falce
Carla Falce – Com certeza. Tem que ter algo de especial, personalizado e ousado, não eh mesmo?

Comentários