Menu

segunda, 21 de outubro de 2019

Aqui Rubens Pontes: Meu poema de Sábado – Poema Da Rosa, de Nara Leão

O Espírito Santo compensa seu pequeno espaço geográfico no mapa brasileiro

com um elenco de homens públicos, intelectuais, administradores, jornalistas, desbravadores que formataram seu território como o que hoje nele vivemos, artistas, cronistas,

romancistas, poetas – uma configuração humana que ultrapassa em muito seus limites geográficos.

 

O Portal Don Oleari e os capixabas se orgulham dessa constatação lembrando, ao que se propõe esta coluna,

nomes que ganham destaque além-fronteiras com suas produções literárias – ficção, crônica, poesia, teatro, cinema.

Essa relação não tem limites ao enumerar Rubem Braga, o maior cronista deste século, Newton Braga, poeta Marly Oliveira (*) Sergio Sampaio, Roberto Carlos, Jece Valadão, Arnoldo Silva,

Elisa Lucinda, Nara Leão, Luciano Viana, Renata Bonfim, Stênio Garcia, Darlene Gloria, Helio Carlos Manhães, Osvaldo Amorim,

Chay Suede, Juliana Vasconcelos Póvoas (Jullie), Hudson Ribeiro, Gilberto Lemos, Elias Muniz, Rossini Pinto, Raul Sampaio, André Prando, Fernando Zorzal e uma extensa relação de nomes omitidos por falha do escriba ou já convocados pelo Criador para tornar mais colorida e alegre a vida lá no céu.

Entre esses nomes elencados, figuram poetas de alta sensibilidade, alguns atuando em mais de uma frente da atividade artística, nos palcos, nos anfiteatros, na TV e no cinema, nos estúdios de emissoras de rádio, nas gravadoras e nas editoras de obras impressas.

Os companheiros da Rádio Clube da Boa Música aplaudiram a escolha, ao ser apontado entre eles um nome capaz de representar o espírito do Portal e da coluna, associando à magia de sua meiga voz o seu talento como poeta.

Nara Leão escreveu o inquieto “POEMA DA ROSA”, escolhido para a coluna deste sábado.

Rubens Pontes
Capim Branco, MG

– Passos, saltos & queda – Linki pra ler Passos, Saltos & Quedas, de Rubens Pontes.
http://online.anyflip.com/mitk/xjqj/mobile/index.html?fbclid=IwAR39mt-wlzHGKBAeTSG7cZOD4etEr38ocVyHkE-rPKkwvhpfI8qfvf7khLE#p=10

Poema Da Rosa
Nara Leão

Há uma rosa linda
No meio do meu jardim
Dessa rosa cuida eu
Quem cuidará de mim?
De manhã desabrochou
À tarde foi escolhida
Pra de noite ser levada
De presente a minha amiga
Feliz de quem possui
Uma rosa em seu jardim
A minha amiga com certeza
Pensa agora só em mim
Quando sopra o vento frio
E o inverno gela o jardim
Eu tenho calor em casa
E fico quietinho assim
Feliz de quem tem o seu teto
Pra ajudar a sua amiga
A fugir do vento ruim
Que deixa gelado o jardim

Aqui Rubens Pontes / Meu poema de sábado – Três poemas de Marly de Oliveira, da capital secreta para o mundo

Aqui Rubens Pontes / Meu poema de sábado – Três poemas de Marly de Oliveira, da capital secreta para o mundo

Comentários