Menu

tera, 07 de abril de 2020

Helder Carnieli e Enio Bergoli renunciam para apoiar candidatura do agrônomo Jorge Luis Silva à presidência do Crea-ES

Don Oleari – Eleições Crea-ES

Jorge Luis Silva: – “Precisamos tirar o Crea de dentro do Crea”.

O Agrônomo Jorge Luis Silva acaba de me informar que o ex-presidente do Crea-Es Helder carnieli e o ex-secretário de agricultura do ES, Enio Bergoli, assinaram um documeno desistindo de suas candidaturas.

O documento foi assinado na tarde desta quarta-feira na sede do Crea-ES,
na enseada do Suá, Vitória/ES.

– Agora, vamos caminhar juntos pelo mesmo objetivo, que é a renovação da nossa entidade”, disse Jorge Boca.

Do grupo de quatro engenheiros que tratavam de uma composição, resta agora o engenheiro eletricista Eduardo Altoé, a quem acabo de perguntar se também vai renunciar para apoiar Jorge Luis Silva.

Altoé respondeu:

– O jogo de xadrez recomeça do zero. Só poderei falar algo mais no final desta semana.

A candidatura de Jorge Luis Silva, com apoio de Carnieli e Bergoli, ganha musculatura, segundo observadores que vinham seguindo a negociação entre os quatro candidatos.

O quinta, Marcos “Cabeção”, saiu das conversações e manteve sua candidatura.

O agrônomo Jorge Luis Silva me disse que sua candidatura representa a oportunidade “de modernização do Crea”:

– Precisamos tirar o Crea de dentro do Crea e levá-lo ao encontro dos anseios dos profissionais, das empresas, do mercado de trabalho.

Entre suas propostas, Jorge Boca defende enfaticamente a necessidade de se abrir estários para o recém formado em engenharia.

Disse ele:

– Veja você, a agronomia, a geociência e os diversos ramos da engenharia representam um elevado percentual do Produto Interno Bruto (PIB) do ES e do Brasil. Num universo de quatrocentas mil empresas, não existe espaço para estagiários de engenharia. Precisamos trabalhar nessa direção (Oswaldo Oleari).

Oswaldo Oleari, jornalista

Editor Chefão – Portal Don Oleari

 

 

Comentários